O prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo, assinou na manhã desta segunda-feira, 19, na cidade de Olho D’água dos Borges, região Oeste do Estado, convênio com a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), órgão do Ministério da Saúde, para esgotamento sanitário de Contendas e praias de Graçandu, Pitangui e Barra do Rio, no valor R$ 16,9 milhões.

Na cerimônia de hoje, 24 municípios foram contemplados, sendo que o maior valor coube a Extremoz, que contou com a ajuda do presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves e das inúmeras gestões de Klauss Rêgo, em Brasília, em busca dos recursos necessários, contando também com a boa vontade do engenheiro civil Henrique Pires, presidente da Funasa.

Recurso do Programa de Aceleração de Crescimento será repassado a 635 municípios com até 50 mil habitantes selecionados pela Funasa num total de R$ 2,8 bilhões para obras de saneamento. A iniciativa beneficia mais de 5,2 milhões de pessoas em 26 estados.

Importância

O prefeito Klauss Rêgo destacou a importância dos convênios federais para as cidades que hoje vivem com poucos recursos, algumas basicamente do repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). “Saneamento significa saúde e desde o meu primeiro mandato tenho grande preocupação com essa área”, lembrou.

O presidente da Câmara dos deputados, Henrique também demonstrou preocupação com os municípios. “Só de desoneração nos últimos anos, foram R$ 77 bilhões que os municípios deixaram de ganhar”, lamentou. O deputado aproveitou para dizer que vai priorizar na Câmara dos Deputados a análise da PEC que prevê o aumento de 2% no FPM e garantiu que tentará a aprovação da proposta já no mês de junho. (LS).