NATAL PRESS

O prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo, esteve em Brasília esta semana para tentar resolver a questão da Creche do Manaím construída pela gestão anterior, que apresentou várias irregularidades, em desacordo com o projeto do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE).

"Conversei com o ministro da Previdência, Garibaldi Filho, que me acompanhou na visita que fiz ao presidente do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE), Romeu Weliton Caputo, que está examinando a questão, considerando que foram detectados 29 itens irregulares, que atualmente estão reduzidos a apenas sete. Conversei também sobre o assunto com o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves e todos estamos empenhados em resolver a questão para abrir essa creche que está pronta desde o final de 2008”, informou o prefeito Klauss Rêgo.

De acordo com o prefeito, que foi para Brasília no dia 18 e retornou nesta quinta-feira, 20, o convênio com o FNDE foi prorrogado por mais quatro meses e todas as inconsistências serão resolvidas pela empresa construtora. “A empresa se comprometeu a corrigir as restrições para a abertura dessa creche, que é um modelo. Ela vai sair da condição de paralisada para execução no menor tempo possível”, garantiu Klauss. O prefeito também informou que depois de todas as imperfeições corrigidas o FNDE fará nova vistoria para autorização final de funcionamento.

Interesse
O presidente do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE), Romeu Weliton Caputo, demonstrou durante a reunião com prefeito Klauss Rêgo dinamismo e interesse na solução do problema que irá beneficiar dezenas de famílias da região do Manaím e de outras comunidades próximas.

“Creio que nossas gestões junto ao Governo Federal para abrirmos essa creche surtirão efeito em pouco tempo. Passei quase três dias em Brasília para tratar desse assunto e pedir mais recursos para a conclusão da obra. Infelizmente a gestão anterior não entendeu que os recursos federais para esse fim devem seguir estritamente as orientações do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), mas nós vamos resolver a questão, que é muito importante para o desenvolvimento da educação do nosso município”, concluiu o prefeito. (LS).



Twitter