NATAL PRESS

divulgação

cearamirim

Na campanha política deste ano a cidade de Ceará-Mirim terá como candidato a vereador Daniel Melo (PDT), jovem de 25 anos, Daniel é neto da ex-prefeita Edinólia, se preparou para esse importante desafio e entra na vida pública com a consciência da necessidade de uma renovação política e administrativa ao lado do candidato a prefeito, Júlio.


"Meu neto é um jovem com um grande coração. Nossa família tem origem em Ceará-Mirim, Daniel  se preparou para representar bem as pessoas e conhece nosso município, está capacitado para trabalhar pela nossa cidade, sabe das necessidades, dificuldades e potencialidades do nosso município, gosta de trabalhar, tenho certeza que terá um grande e promissor futuro na vida pública, disse sua avó Edinólia, que foi prefeita de Ceará-Mirim por oito anos.


Daniel quer entrar na vida pública com o objetivo maior de cuidar das pessoas, fiscalizar e cobrar a manutenção da infraestrutura da cidade, sua limpeza, conservação dos prédios públicos e históricos, fiscalizar de perto a administração pública de modo geral, que para ele, deve respeitar e valorizar o servidor e o cidadão, mantendo no mínimo os serviços básicos de atenção à população.

"Me preparei para este desafio. Não quero ser vereador de governo nem de oposição. Quero ser o vereador das pessoas, quero ouvi-las e ajudá-las. Quero poder acompanhar o dia a dia da nossa cidade, dos funcionários públicos, saber o que está funcionando bem e o que está faltando para cobrar junto ao prefeito Júlio. Quero poder fiscalizar o dinheiro público, propor leis, dar idéias, sugestões e ser a voz das pessoas para que Ceará-Mirim volte a ser uma cidade que nos dê orgulho, assim como foi na gestão de Edinólia. Que nosso município volte a sorrir, retome o bom caminho e assim, espero ver Ceará-Mirim cada dia melhor", afirmou Daniel.


O jovem candidato tem uma visão diferente da gestão pública atual, na sua visão, um trabalho conjunto das instituições – governos, sociedade organizada, poder judiciário, quando trabalhado em parceria, a chance de acerto é bem maior.


"Entrei na vida pública sabendo da responsabilidade que é cuidar das pessoas, e é isso que pretendo fazer. Meu gabinete estará sempre de portas abertas . Quero saber o que as pessoas precisam e buscar soluções, ajudar. Estarei sempre atento a tudo, quero visitar pessoalmente as instituições, os hospitais, a zona rural, colher informações e ver de perto a real situação. O entrelaçamento das instituições aumentará a eficiência. Quero propor que o governo não trabalhe separadamente cada área, como educação, saúde e serviço social. Acredito que quando as instituições trabalham unidas, fortalecem o seu resultado. A saúde e a educação tem que estar unidos, na segurança pública, a união dos governos e sociedade organizada  se faz necessária, a responsabilidade maior é do governo do estado, mas não só dele, o município participa através da guarda municipal, com campanhas de conscientização, iluminação pública, monitoramento, barreiras policiais e muito mais. Além disso, as comunidades precisam fazer parte desta união juntamente com o poder judiciário. Quando todas essas forças se unem, seja na administração municipal ou nas questões de governos, a tendência é que o resultado seja melhor e mais rápido. Portanto, pretendo ser um vereador mais participativo para poder garantir melhorias nas vidas das pessoas", se comprometeu, Daniel.


Espelhado  no  bom trabalho desempenhado por sua avó Edinólia, Daniel tem muitas idéias e sugestões para a gestão pública, com foco especial na melhoria de vida das pessoas, geração de emprego e renda, saúde, educação, juventude, administração transparente e com qualidade, onde no decorrer da campanha, serão apresentadas à sociedade. Caso ele venha a se eleger, lutará para que suas opiniões sejam implantadas.


"Pretendo ser vereador para levantar a bandeira da minha avó e dar seguimento ao caminho traçado por nossa família. Me sinto preparado para que o povo de Ceará-Mirim me dê a oportunidade de iniciar e exercer uma carreira pública com dignidade como o povo merece. O trabalho de Edinólia tem que continuar", disse.

Foto: Denis Cleber

nossasenhoaapareida

Em peregrinação pela região Nordeste, a imagem de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil chegou a cidade de Extremoz neste domingo, 22, às 19h, em carreata que saiu da matriz de Ceará Mirim. Trazida pelo pároco de Ceará Mirim, padre Bianor, a imagem foi entregue ao pároco de Extremoz, padre João Pedro na Matriz de São Miguel Arcanjo, no Centro Antigo de Extremoz, onde foi rezado missa solene.

“Nossas cidades estão acolhendo a imagem que homenageia a mãe de Jesus”, disse o padre Bianor no momento da entrega, defronte a Igreja. “Que o Espírito Santo ilumine a todos durante a vida”, completou o padre.

Nesta segunda-feira, 22, a imagem será levada para  a Praia de Pitangui  na terça-feira, 23, para a comunidade de São Sebastião. Na quarta-feira, 24, segue para Natal, iniciando a peregrinação pela Zona Norte.

História

De acordo com a enciclopédia Wikipédia “a aparição da imagem ocorreu na segunda quinzena de outubro de 1717, quando Pedro Miguel de Almeida Portugal e Vasconcelos, conde de Assumar e governante da capitania de São Paulo e Minas de Ouro, estava de passagem pela cidade de Guaratinguetá, no vale do Paraíba, durante uma viagem até Vila Rica. O povo de Guaratinguetá decidiu fazer uma festa em homenagem à presença de Dom Pedro de Almeida e, apesar de não ser temporada de pesca, os pescadores lançaram seus barcos no Rio Paraíba com a intenção de oferecerem peixes ao conde. Os pescadores Domingos Garcia, João Alves e Filipe Pedroso rezaram para a Virgem Maria e pediram a ajuda de Deus. Após várias tentativas infrutíferas, desceram o curso do rio até chegarem ao Porto Itaguaçu. Eles já estavam a desistir da pescaria quando João Alves jogou sua rede novamente, em vez de peixes, apanhou o corpo de uma imagem da Virgem Maria, sem a cabeça. Ao lançar a rede novamente, apanhou a cabeça da imagem, que foi envolvida em um lenço. Após terem recuperado as duas partes da imagem, a figura da Virgem Aparecida teria ficado tão pesada que eles não conseguiam mais movê-la. A partir daquele momento, os três pescadores apanharam tantos peixes que se viram forçados a retornar ao porto, uma vez que o volume da pesca ameaçava afundar as embarcações. Esta foi a primeira intercessão atribuída à santa. (LS).

Denis Cleber

kr

A Ordem de Serviço para o saneamento do distrito de Contendas, Pitangui, Graçandu e Barra do Rio, foi assinada em 10 de julho, durante a inauguração da nova Colônia dos Pescadores de Pitangui, Câmara Frigorífica e Bomba de Óleo

O prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo, acompanhado dos secretários de Infraestrutura Edward Smith e de Articulação Política, Adalberto Rêgo, iniciou esta semana uma série de vistorias a obras em andamento e concluídas de Extremoz, a partir das obras de saneamento de Pitangui, Graçandu e Barra do Rio. “Saneamento trará inúmeros benefícios para o desenvolvimento do turismo. Isso significa emprego; vamos dar empregos ao nosso povo em primeiro lugar”, disse Klauss. “Extremoz cresceu muito e o IBGE precisa fazer um novo censo. O último, feito em 2010, revelou que tínhamos 24 mil habitantes. Hoje, devemos ter cerca de 40 mil”, completou o prefeito.

“Todos sabem da importância do saneamento, inclusive para trazermos investimentos para Extremoz, porque as empresas procuram municípios que tenham saneamento”, enfatizou o prefeito, informando que todo o litoral, Centro e a Zona Rural serão saneados. “Estamos buscando recursos para tanto”, ressaltou Klauss. “Demos o primeiro passo para sanear toda Extremoz. Começamos por esta região e depois o saneamento virá para todos os bairros da Grande Extremoz, porque saneamento significa saúde e desenvolvimento”, concluiu o prefeito.

O prefeito lembrou que a proximidade com a capital e a integração dos nossos territórios num crescimento urbano acelerado tem nos obrigado a planejar a infraestrutura do município de forma a atender, não só as demandas locais, mas também das cidades vizinhas. “Nossa gestão tem dedicado, a maior parte do seu tempo, a preparar a infraestrutura do município atendendo as reivindicações de cada comunidade e projetando os caminhos que possam permitir as futuras gerações desfrutarem de uma cidade digna de se viver”, concluiu.

A senhora Nuzia Ribeiro, moradora de Graçandu elogiou a inciativa da prefeitura. “Vai ser muito bom. Ruim são as fossas cheias”, sorriu. (LS).

Dando início ao atendimento do pedido do prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo, para reforçar a segurança do município, a secretária de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Kalina Leite, comunicou ao prefeito nesta sexta-feira, 30, o envio para a cidade de três motocicletas da Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (ROCAM).

Klauss Rêgo que esteve reunido no início da semana com a secretária, acompanhado do o pároco da cidade, padre João Pedro e dos vereadores Carlos Jenner, Jaeudes Xavier, Gilson Sales e Évio de Farias, quando entregou ofício solicitando mais segurança para o município. “Fomos motivados pelos altos índices de violência, principalmente nos últimos dez dias com a ocorrência de seis homicídios”, disse o prefeito. “Temos certeza que outras ações em prol da segurança de Extremoz estão sendo analisadas pela secretária Kalina Leite, que foi receptiva ao nosso pleito”, finalizou Klauss.

A Ronda Ostensiva Com Apoio de Motocicletas (ROCAM) foi criada em 05 de novembro de 1982 no 1º Batalhão de Polícia de Choque (ROTA) da Polícia Militar do Estado de São Paulo e hoje existe em todo o Brasil. A ROCAM destaca-se como uma modalidade de policiamento dinâmica e de grande eficácia em especial por vencer o tráfego, por mais intenso que seja. (LS).

Divulgação

funasaleo

O prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo, esteve na semana passada em Brasília para tratar, em audiência com o presidente da Funasa, Henrique Pires, da liberação dos recursos necessários para iniciar as obras de saneamento da comunidade de Contendas e das praias de Pitangui, Graçandu e Barra do Rio.

A Ordem de Serviço para execução das obras foi assinada em 10 de julho com a presença do superintende da Funasa do RN, Antonio Barbosa, que destacou “a grande batalha do prefeito Klauss Rêgo pela liberação do recurso”, da ordem de cerca de 16 milhões de reais.

“Depois da conversa que tive com o presidente da Funasa, Henrique Pires, a chegada do subsídio para o início das obras marca uma nova fase no desenvolvimento turístico do nosso município,”, comemorou Klauss. (LS).

Denis Cleber

arcanjo

Na noite desta terça-feira, 29, após a Missa Solene presidida por Dom Matias Patrício de Macêdo, a Prefeitura de Extremoz e a Paróquia de São Miguel encerraram a festa do padroeiro, São Miguel Arcanjo, apresentando o espetáculo teatral “Auto de São Miguel ou a Batalha de São Miguel”, em palco montado nas ruínas da mais antiga Igreja Jesuíta do Rio Grande do Norte, no Centro Antigo da cidade, para cerca de dois mil espectadores.

Antes do espetáculo ocorreram apresentações de músicas populares pela Banda Municipal, seguido da recepção do prefeito Klauss Rêgo, que agradeceu a presença de todos no sétimo ano de apresentação do espetáculo. “Aqui contamos a História de Extremoz, a primeira vila do RN”, disse o prefeito. “Extremoz não tem apenas belezas naturais, como nossas praias, por exemplo, temos cultura e História, além de sermos um município 100% turístico”, completou o prefeito.

Dirigido pelo dramaturgo Ricardo Veriano Fernandes, o espetáculo reúne cerca de 150 atores, a maioria, habitantes do município, contou com vários momentos emocionantes, começando com um cortejo ditirâmbico. Seguiram-se então vários atos do espetáculo, como ‘As Beatas Mufumbas da Igreja’, ‘Século XVI; Roma envia soldados de Cristo para Aldeia de Guajiru’, ‘Ode a Lagoa – Balé das Águas’, ‘Cego Dedé de Araçá conta a História do Guajiru’, ‘Catequização – Dança e Hábitos’, ‘Negros escravos no Guajiru’, ‘Português degredado’, ‘Expulsão dos Jesuítas, soldados de Cristo’, ‘Lenda do Carro de Boi ou Sino desaparecido’, ‘Coro dos sete Anjos Cavaleiros de São Miguel’, ‘A batalha que submeteu a cobra da lagoa (Lúcifer) ao julgo de São Miguel’, ‘A Sagrada Família convida para a festa da vitória’, ‘O Céu acampado em Extremoz’ e ‘Apoteose com show pirotécnico’. “Tivemos uma ideia, fizemos um texto, desconstruímos a cartesiana pesquisa linear, comungamos com a licença poética. Uma luz acendeu – fotossíntese cultural -, inspiração, concepção indo ao encontro do que pulsava vivo, mas em casulo imerso quase amorfo”, ressaltou o diretor da peça, Ricardo Veriano.

Shows

Depois do espetáculo, que reuniu o maior público desde o seu início e já está inserido no calendário cultural do RN, houve shows de Messias Paraguay e Silveirinha Show, a partir das 22h, no largo da Igreja de São Miguel, para os extremozenses, convidados e turistas, com muito forró e música popular brasileira. (LS).

Acervo Prefeitura Extremoz

arcanjo

Nesta segunda-feira, 29, às 20h, o espetáculo Auto da Aldeia do Guajiru ou a Batalha de São Miguel será encenado pelo sétimo ano consecutivo nas Ruínas da mais antiga Igreja Jesuíta do Rio Grande do Norte, produzido pela Prefeitura de Extremoz por meio da Fundação de Cultura Aldeia do Guajiru e dirigido pelo dramaturgo Ricardo Veriano Fernandes. O espetáculo reúne cerca de 150 atores, a maioria, habitantes do município.

“A mobilização insistente na conquista da memória da terra, por meio de ações fundamentadas na sustentabilidade cultural é traduzida pelas demais verdades, com apreço em poder ver, refazer, recriar, revisitar os nossos temas, nossa História - respeitando às fontes e as diferenças”, escreveu o prefeito de Extremoz, Klauss Rêgo. A valorização da cultura em Extremoz é observada e trabalhada pela presidente da Fundação de Cultura Aldeia do Guajiru, Waldeleda Medeiros de França. “Hoje a cultura local corresponde às ações oriundas de um complexo acervo vivo não recorrente apenas a materiais de arquivo”, disse Waldeleda Medeiro, acrescentando que pequenas ações do cotidiano, a exemplo de oficinas abertas de dança, capoeira, teatro, artes visuais, música e demais técnicas artísticas facilitam qualquer trabalho que possa ser montado pelos agentes em formação.

“Tivemos uma ideia, fizemos um texto, desconstruímos a cartesiana pesquisa linear, comungamos com a licença poética. Uma luz acendeu – fotossíntese cultural -, inspiração, concepção indo ao encontro do que pulsava vivo, mas em casulo imerso quase amorfo”, ressaltou o diretor da peça, Ricardo Veriano. “Hoje, o Auto arregimenta aproximadamente 250 pessoas entre técnicos, atores, convidados e demais profissionais da cultura do RN, todos aptos a dar nome e respaldo à memória local de Extremoz, para não sermos vistos apenas num plano histórico local, mas, quiçá, universal”, concluiu o diretor.

Espetáculo

A batalha de São Miguel Arcanjo contra o mal é narrada por personagens da cidade e termina com a vitória do santo lutador e com uma grande festa no Céu, que reúne santos padroeiros de todos os distritos de Extremoz. O Auto da Aldeia do Guajiru, a Batalha de São Miguel é encenada desde setembro de 2009, sendo, ao longo do tempo, fruto de um processo contínuo de discussões coletivas públicas, estudos e outras ações conjuntas da cidade de Extremoz e seus distritos. O encerramento é feito com um grande show pirotécnico de fogos de artifícios. Depois da encenação do Auto, haverá show de encerramento da festa do padroeiro com shows musicais de Messias Paraguay e Silveirinha Show, a partir das 22h. (LS).

Fotos: Acervo da Prefeitura de Extremoz.

indioll

As inscrições de candidaturas para as Eleições do Conselho Nacional de Políticas Culturais se encerram no sábado (26), quando também será realizado o último encontro descentralizado no Rio Grande do Norte. Depois de Natal, no dia 12, e Mossoró, dia 19, quem recebe a equipe da Fundação José Augusto para tirar dúvidas sobre o processo do CNPC é Parnamirim.


O evento será no Teatro Municipal Vereador Paulo Barbosa da Silva, das 9h às 17h. O encerramento terá apresentações culturais. Já a votação segue até 7 de outubro pela plataforma digital Vota Cultura.


Esses encontros ajudam a definir quantos delegados estaduais de cada setorial o RN levará para as etapas nacionais. Os setores que participam dessa etapa são Arquitetura e Urbanismo; Arquivos; Arte Digital; Artes Visuais; Artesanato; Circo; Culturas Afro-Brasileiras; Culturas Populares; Dança; Design; Literatura, Livro e Leitura; Moda; Música; Patrimônio Imaterial; Patrimônio Material e Teatro.


Cada estado tem direito a no mínimo 16 delegados. O Rio Grande do Norte já soma 21, tendo aumentado sua representação durante os encontros nos setoriais de Literatura, Livro e Leitura; Dança; Teatro; Circo e Música.

Funciona assim: até 30 inscritos na respectiva área no encontro presencial, elege-se um delegado para o Fórum Nacional Setorial; de 31 a 100 inscritos, são eleitos dois delegados e a partir de 101 inscritos, são eleitos três delegados.

Na ocasião, os participantes poderão manifestar suas ideias para aperfeiçoar as políticas culturais e se inscrever no processo como eleitores (maiores de 16 anos) e/ou candidatos (maiores de 18). Serão disponibilizados ao público terminais de acesso à plataforma digital em que são registradas as inscrições.


Conselho Nacional de Políticas Culturais

O CNPC é um órgão colegiado integrante da estrutura do Ministério da Cultura. Seu objetivo é propor a formulação de políticas públicas, promovendo a articulação e o debate dos diferentes níveis de governo e sociedade civil organizada, para o desenvolvimento e fomento das atividades culturais no território nacional.

Novinho Oliveira

vaca

A 23ª Festa do Vaqueiro, promovida por Naldo Vaqueiro com o apoio da Prefeitura de Extremoz e patrocínio da FM105, 9 reuniu centenas de cavaleiros nos dois dias de duração, neste sábado e domingo, 12 e 13 de setembro.

A festa começou no sábado, às 22h, no Espaço do Vaqueiro, no Distrito de Vila de Fátima, com o cantor Robério Silva e o DJ Nier, seguido de Rosy Show – Forró Melhor e Forró da Lenhada, com Coroné Ananias.

No domingo, 13, os cavaleiros se reuniram no Posto de Estivas, a partir das 08h, para partir para Vila de Fátima por volta das 10h30, onde foi realizada a Missa do Vaqueiro, seguido de almoço no Espaço do Vaqueiro com shows de Paulinho Reis dos Teclados e convidados, além do Trio Pé de Urtiga.

O prefeito de Extremoz agradeceu a presença de todos, bem como a organização do evento, convidando a todos para voltar no próximo ano. Também fizeram uso da palavra o secretário de Articulação Política, Adalberto Rêgo e o organizado Naldo Vaqueiro, que enalteceram a grandiosidade do evento e o clima de paz, que já é tradicional há 23 anos. (LS).

O governador Robinson Faria recebeu no final da tarde desta quarta-feira (9) uma comitiva de Macaíba formada pelo prefeito Fernando Cunha Lima, secretários do município e empresários da região para discutir a pavimentação do Distrito Industrial. A reunião teve a participação também do secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Flávio Azevedo.

O Distrito Industrial de Macaíba agrega 23 empresas, que geram três mil empregos diretos, resultando R$ 270 milhões em receita provenientes de tributos estaduais e municipais.

Na audiência de hoje foram discutidas e apresentadas quatros formas possíveis para viabilizar a pavimentação: através da composição de um fundo das empresas, por meio de emendas parlamentares dos deputados federais e dos senadores, outra através de recursos federais, por meio de Ministérios, e a última pelo Governo do Estado, via Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

Como encaminhamento da reunião, os empresários produzirão um documento detalhando a necessidade de pavimentação do Distrito, e o governador Robinson Faria e Flávio Azevedo apresentarão pessoalmente aos deputados federais e senadores em Brasília, ainda em setembro.

“No Rio Grande do Norte estamos atravessando uma crise financeira muito difícil, mas é preciso buscar alternativas criativas para superar o momento. Vamos apresentar para a bancada federal o material que será produzido pelos empresários comprovando a necessidade de melhoria na infraestrutura daquela região, vital para a economia do nosso estado”, declarou Robinson Faria.



Twitter