NATAL PRESS

divulgação

macaupaupuro

A campanha eleitoral em Macau entra na reta final num clima tenso, com agressões e atos de violência por parte da chapa Zé Antônio e o Coronel Fernandes, prefeito e vice. “Os adversários estão desesperados, partiram para a agressão e violência. No final da tarde de hoje minha casa foi alvo de tentativa de invasão, pessoas foram agredidas na calçada, inclusive um policial a paisano puxou uma arma para intimidar eleitores nossos”, denunciou o candidato pelo PSD, Tulio Lemos.

“Apelo para as autoridades policiais e o poder judiciário para que tomem as providências, no sentido de garantir que o pleito transcorra na absoluta paz, afinal, nossos adversários já provaram que apoiam a violência”, disse o candidato de oposição, afirmando que responsabilizará diretamente a chapa governista apoiada pelo prefeito interino Einstein Barbosa por qualquer ato de violência que porventura venha a ocorrer até o próximo domingo, 02 de outubro.

A advogada da Coligação Mudança de Verdade, Juliana Peres, explicou que o fato da chapa governista estar autorizada pela Justiça Eleitoral a fazer mobilização no Centro da cidade nesta terça-feira (27) não deve ser interpretado como um passaporte para fazer campanha na porta de Tulio. “A Rua Marechal tem duas vias, separadas por canteiros largos, mesmo assim, desviaram o fluxo normal em que vinha a caminhada e não respeitaram o fato de minha casa ser registrada como comitê de campanha e passaram na porta insultando a violência”, concluiu o candidato.

divulgação

pau7do7

Além da zona urbana, a zona rural pau-ferrense tem dito “sim” a Fabrício Torquato (PSD) e Lara Figueiredo (PMDB) para o Executivo Municipal. Durante todo o dia de ontem, 27, os candidatos visitaram moradores do Perímetro Irrigado e, à noite, os eleitores compareceram em grande número ao comício realizado pela chapa na comunidade.

Para Fabrício, aquele foi “um desenho, mais do que claro, da vitória do 55 em Pau dos Ferros”. Momento que pôde ser acompanhado de perto também pelo deputado estadual Gustavo Fernandes (PMDB), o líder político e ex-prefeito Nilton Figueiredo, bem como por candidatos a vereador.

 A acolhida de Fabrício e Lara no Perímetro demonstrou o que se tem visto no restante da cidade: A vontade popular é de apoio à majoritária da coligação “Pau dos Ferros de Todos”, que deverá ser a ganhadora das eleições de outubro.

A praticamente seis dias das eleições municipais deste ano, o município de Ielmo Marinho vive uma situação eleitoral inédita na sua história política: o médico Cássio Cavalcante de Castro, o Dr. Cássio, continua concorrendo ao cargo de prefeito daquele município, apesar de o seu registro de sua candidatura ter sido negado pela Justiça Eleitoral, que o considerou inelegível com base na Lei da Ficha Limpa.

Apesar da decisão judicial, o médico optou por continuar na disputa eleitoral, enquanto aguarda o julgamento de um recurso por ele impetrado, o que deverá ocorrer nos próximos dias.

Mesmo diante de sua situação de inelegibilidade, o Dr. Cássio, como é mais conhecido, optou por não ser substituído na chapa majoritária, o que poderia ter sido feito até o último dia 12 de setembro, quando se encerrou o prazo para substituição de candidaturas.

Com isso, caso o recurso que impetrou seja negado, toda a chapa majoritária por ele encabeçada ficará inapta para o processo eleitoral.

Cássio Cavalcante de Castro tornou-se inelegível por ter sido demitido do serviço público por abandono de emprego, de acordo com um processo administrativo, datado de 2009, que culminou com a sua demissão por justa causa da Prefeitura de Ielmo Marinho.

divulgação

pau26set

No município pau-ferrense, o último domingo antes das eleições foi marcado pela vibração de aceitação, nas mais diversas partes da cidade, às candidaturas de Fabrício Torquato (PSD) e Lara Figueiredo (PMDB) para o Executivo. Na noite de ontem, 25, as manifestações culminaram com uma passeata de proporções inimagináveis.

Após comício no bairro Riacho do Meio, milhares de pessoas a pé, além de centenas de eleitores em motos e carros, demonstraram sua escolha no pleito deste ano ao participarem do percurso encerrado na Praça de Eventos Nossa Senhora da Conceição.

Um dos destaques do grande evento político foram as adesões anunciadas em palanque, como a da candidata à vereadora Cleide Ferreira ou Cleide de Rolinha (DEM), a qual confirmou em discurso o seu apoio à chapa majoritária da coligação comandada pelo Partido Social Democrático (PSD).

Fabrício e Lara compartilharam a alegria da festa com os médicos Bráulio e Nilton Figueiredo, o deputado estadual Galeno Torquato (PSD) e pretensos a um cargo na Câmara Municipal. “O que nós queremos é construir um projeto solidário, um projeto de muito trabalho pra nossa querida Pau dos Ferros”, disse o candidato à reeleição, confiante na vitória.

 
Já nesta segunda-feira, 26, Lara Figueiredo fez uma declaração em seu Instagram sobre o dia de ontem, 25: “Os meus mais sinceros agradecimentos às pessoas de todos os bairros que deixaram seus lares para se juntarem a nós e, também, ao movimento nas redes sociais. O povo de Pau dos Ferros me enche de alegria a cada dia”, postou.

divulgação

ceicasasa

Organizada pela Juventude Caiçarense, a Caminhada da Paz reuniu neste domingo (25) a população da cidade de Caiçara do Rio do Vento em favor do nome de Ceiça Lisboa.

A prefeita e candidata à reeleição Ceiça Lisboa, e o vice, Tata Barbosa, vestiram branco e levantaram mais uma vez em seus discursos que a política precisa ser feita com educação e respeito ao cidadão. Com a presença dos vereadores que disputam a eleição pela coligação "NOSSA TERRA! NOSSA GENTE!", a candidata a Prefeitura reforçou  seus projetos e propostas para a cidade e lembrou mais uma vez que o candidato da oposição não aceitou participar do debate proposto por jornalistas locais.

"Hoje estamos nessa caminhada da paz porque infelizmente algumas pessoas esquecem que somos uma grande família, onde só temos de diferente a casa onde cada um reside. Por isso, pedimos que respeitem o povo caiçarense. Todos os dias eu lembro que essa campanha não é minha, nem dos vereadores, é do povo de Caiçara e eles merecem todo o respeito e educação nessa caminhada. Então, vocês jamais vão ver quem me apóia denegrir ou agredir quem quer se seja”, ressaltou Ceiça Lisboa.


Acertos

A candidata lembrou mais uma vez que acredita na vitória no dia 02 de outubro, e que o eleitor de Caiçara vai respeitar o seu voto, que não está à venda, e finalizou o seu discurso assumindo que houve sim alguns erros em sua gestão, mas os acertos foram muito maiores. "Os acertos a gente melhora e os erros a gente conserta", finalizou Ceiça Lisboa.



Twitter