NATAL PRESS

O Comitê Estadual Polo Cerâmico para o Desenvolvimento do RN se reuniu mais uma vez nesta segunda-feira (18) na Assembleia Legislativa. Neste encontro, novamente mediado pelo deputado estadual Hermano Morais (PMDB), foram discutidos os últimos ajustes no Termo de Ajustamento de Conduta que deverá ser assinado pelos empresários do setor ceramista, que tem como objetivo regularizar a atividade no estado.

Todos as instituições do Comitê (Idema, Ibama, Ministério Público, UFRN, CTGás, associações e sindicatos de ceramistas de todo o RN) estiveram presentes na reunião de hoje, que contou também com a participação de representantes do Ministério do Meio Ambiente e do deputado federal João Maia.

O ponto mais importante levantado nesta reunião foi a dificuldade de adaptação das cerâmicas às normas ambientais. As associações e sindicatos argumentaram que embora haja interesse em regularizar a situação, poucos empresários teriam condições de custear essas modificações. Para continuar debatendo sobre o assunto, uma nova reunião foi marcada para o dia 26 de março.

Ainda nesta semana, o deputado estadual Hermano Morais irá a Brasília junto com o diretor geral do Idema, Manoel Jamir Fernandes Júnior, para audiência no Ministério do Meio Ambiente para discutir sobre o custeio da adaptação e outras questões relacionadas à indústria ceramista do RN.



Twitter