O Centro Multiusuário de Bioinformática (BioME), do Instituto Metrópole Digital (IMD), vai realizar, entre os dias 15 e 17 de abril, o Natal Bioinformatics Forum, evento que reunirá reconhecidos pesquisadores nacionais e internacionais da área. O evento é destinado a alunos de graduação e pós-graduação na área, bem como pesquisadores e profissionais desse campo, além de pessoas de outras áreas que possuam afinidades com a temática.

O Fórum contará com a participação de palestrantes de diversas universidades e institutos de pesquisas do mundo, como Reino Unido, Estados Unidos, Dinamarca, Espanha, China e Brasil. Um de seus objetivos é possibilitar o diálogo entre acadêmicos, profissionais e setor corporativo e industrial da área, trazendo discussões acerca das principais perspectivas e avanços na pesquisa de bioinformática. Trata-se, portanto, de uma oportunidade de conhecer e divulgar estudos de ponta em bioinformática, além de promover a interação entre as comunidades científicas do Brasil e do exterior e identificar as áreas promissoras de investimento e de pesquisa.

Programação

O Natal Bioinformatics Forum acontecerá no Golden Tulip Natal, em Ponta Negra, com uma programação diversificada e interdisciplinar e com temas que promovem uma conversação entre a bioinformática e diversas áreas, o que deve surgir, por exemplo, nos seguintes simpósios: Bioinformática aplicada à Genômica/Proteômica, Bioinformática aplicada à Biologia de Sistemas e Bioinformática aplicada à saúde.

Em seus três dias de programação, o Fórum ainda vai oferecer uma série de palestras, debates, mesas-redondas, sessão de pôsteres e exposições de trabalhos, trazendo os seguintes temas: Bioinformática na Indústria, Bioinformática e Big Data eInovação em Natal: uma perspectiva de bioinformática.

O Fórum recebe apoio do Instituto de Bioinformática e Biotecnologia (2Bio), da rede Biologia Sistêmica do Câncer (BSC), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), da Pós-Graduação em Bioinformática (PPG-Bioinfo), IMD e Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), além de financiamento do BioME. Saiba mais sobre o evento em seu site.